Que os montes irrompam justiça – Sl 110 (Liturgia das Horas)

Missa Solene do III Domingo do Advento com celebração das II Vésperas

M.: Canto Gregoriano


Antf.: Que os montes irrompam justiça e alegria: o Senhor, luz do mundo, com glória virá

S.: Eu agradeço a Deus de todo o coração * junto com todos os seus justos reunidos!
Que grandiosas são as obras do Senhor, * elas merecem todo o amor e admiração!

T.: Que beleza e esplendor são os seus feitos! * Sua justiça permanece eternamente!
O Senhor bom e clemente nos deixou *  a lembrança de suas grandes maravilhas.

S.: Ele dá o alimento aos que o temem * e jamais esquecerá sua Aliança.
Ao seu povo manifesta seu poder, dando a ele a herança das nações.

T.: Suas obras são verdade e são justiça, * seus preceitos, todos eles, são estáveis,
confirmados para sempre e pelos séculos, *realizados na verdade e retidão.

S.: Enviou libertação para o seu povo, †confirmou sua Aliança para sempre. *
Seu nome é santo e é digno de respeito.

T.: Temer a Deus é o princípio do saber, † e é sábio todo aquele que o pratica. *
Permaneça eternamente o seu louvor.